Posted on

Como Laudar um Nódulo Tireoidiano Pelo ACR TI-RADS

Os nódulos tireoidianos são uma condição extremamente frequente, encontrada em 19 a 68% da população mundial, em grande parte benignos, sendo mais comuns em mulheres e idosos.

Faz parte da rotina de trabalho do Radiologista e do Ultrassonografista, realizar exames em pacientes com nódulo tireoidiano, assim como descreve-los em seus laudos de forma precisa, fornecendo informações relevantes ao médico assistente, ajudando na triagem de possíveis nódulos malignos e determinando as condutas mais adequadas para aquela situação.

Nesse intuito, em 2017, o American College of Radiology (ACR), publicou o TI-RADS – Thyroid Imaging Reporting and Data System. Este White Paper, tem como objetivo padronizar os descritores dos nódulos tireoidianos e principalmente agrupar os nódulos em categorias com porcentagem similar de malignidade.

Nesta videoaula, a Dra. Maria Christina dos Santos Rizzi, nos ensina como utilizar o TI-RADS de forma clara e objetiva.

Como devemos descrever e concluir a respeito deste nódulo em nossos laudos? Qual a classificação de malignidade deste nódulo? Estas são perguntas que são respondidas aqui.

Aproveite!

Como laudar um nódulo tireoidiano pelo ACR TI-RADS

Aprimore seu conhecimento. Conheça nosso curso!






Dra. Maria Christina dos Santos Rizzi
Mestre em Medicina Fetal pela Universidade Federal de São Paulo;
Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia pelo CREMESP / AMB;
Título de Especialista em Diagnóstico por Imagem com área de atuação em Ultrassonografia Geral pelo Colégio Brasileiro de Radiologia / AMB / SBUS;
Membro Titular do Colégio Brasileiro de Radiologia – CBR.

Confira curriculum completo

6 Replies to “Como Laudar um Nódulo Tireoidiano Pelo ACR TI-RADS”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *